terça-feira, 27 de junho de 2017

Ex-Polegar Ricardo Costa é preso por dívida em pensão alimentícia em Taubaté, SP

Ex-Polegar Ricardo Costa é preso por dívida em pensão alimentícia (Foto: Arquivo Pessoal/ Ricardo Costa)
ex-polegar Ricardo Costa foi preso por causa de uma dívida em pensão alimentícia na manhã desta terça-feira (27) em Taubaté (SP). O músico deve cerca de R$ 12 mil em pensão para o filho de 9 anos que teve com a primeira companheira. Ele deve permanecer preso até fechar novo acordo para o pagamento com o juiz.
Ricardo Costa (dir.) foi conduzido ao Distrito Policial (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Em março deste ano, Costa havia negociado o pagamento de uma dívida de R$12 mil, quando a defesa da ex-mulher havia ameaçado pedir a prisão dele. Em juízo, ele havia pedido o parcelamento da dívida em até 20 vezes e se comprometeu a pagar também a mensalidade da pensão.

O músico ainda havia informado que, caso conseguisse vender o food truck que tinha ganhado em um programa de televisão, quitaria a dívida à vista. Ele anunciava o veículo por R$ 145 mil em uma página na internet.


Segundo o advogado da ex-mulher de Costa, Hélio Barbosa, há cerca de duas semanas a Justiça foi notificada sobre a venda do veículo e o atraso no cumprimento do acordo.


“Ele vendeu o ônibus e não pagou a dívida à vista, como havia combinado. E ainda não honrou o acordo feito, atrasando as parcelas da pensão. Por isso, pedimos a prisão dele”, explicou Barbosa.


O advogado de Costa, André Luiz Stacini, que assumiu nesta manhã a defesa do ex-Polegar, negou que o cliente tenha atrasado o pagamento da pensão. Ele não soube informar ao G1, no entanto, se houve descumprimento de acordo.


Costa foi preso por volta das 7h30 na casa onde mora no bairro Jardim Ana Rosa, região periférica de Taubaté. O ex-Polegar foi levado ao cadeião de Taubaté, onde permanecia detido. Além de Costa, outros sete foram detidos nesta manhã por não pagamento de pensão na cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário